domingo, janeiro 31, 2010

CASALQUASEABERTO no AMAC


2 Espectáculos no Auditório Municipal Augusto Cabrita

Sexta 5 Fevereiro
Sábado 6 Fevereiro
21.30h

terça-feira, janeiro 26, 2010

quarta-feira, janeiro 20, 2010

Sábado 23 Janeiro não haverá "Casalquaseaberto"


Cancelamento de Espectáculo

Por motivo de doença de um dos actores
Não é possível a realização do espectáculo agendado para sábado 23 Janeiro.

sábado, janeiro 16, 2010


Coragem

É tão bom
Vestir a pele
Do sol de Agosto
E assustadoramente
Sentir no rosto
O seu zénite
De infra-vermelhos

De calma
E de passividade
Está confrangedoramente
O mundo cheio

Porque enquanto
Não chover que baste
Este rio de pequenas ondas
Incertezas
E boas vontades
Não completará
A opulência necessária
Para desaguar num mar
Que jeito tenha.

sexta-feira, janeiro 01, 2010

2010 - Esperança nos DIREITOS do HOMEM!


Considerando que o reconhecimento da dignidade inerente a todos os membros da família humana e dos seus direitos iguais e inalienáveis constitui o fundamento da liberdade, da justiça e da paz no mundo;
Considerando que o desconhecimento e o desprezo dos direitos do homem conduziram a actos de barbárie que revoltam a consciência da Humanidade e que o advento de um mundo em que os seres humanos sejam livres de falar e de crer, libertos do terror e da miséria, foi proclamado como a mais alta inspiração do homem;

Considerando que é essencial a protecção dos direitos do homem através de um regime de direito, para que o homem não seja compelido, em supremo recurso, à revolta contra a tirania e a opressão;

Considerando que é essencial encorajar o desenvolvimento de relações amistosas entre as nações;

Considerando que, na Carta, os povos das Nações Unidas proclamam, de novo, a sua fé nos direitos fundamentais do homem, na dignidade e no valor da pessoa humana, na igualdade de direitos dos homens e das mulheres e se declararam resolvidos a favorecer o progresso social e a instaurar melhores condições de vida dento de uma liberdade mais ampla;

Considerando que os Estados membros se comprometeram a promover, em cooperação com a Organização das Nações Unidas, o respeito universal e efectivo dos direitos do homem e das liberdades fundamentais;

Considerando que uma concepção comum destes direitos e liberdades é da mais alta importância para dar plena satisfação a tal compromisso:...../....../....../......../......./